Gosta de vinhos e não sabe por onde começar?

Alex

Alex Ordenes é o único sul-americano titulado Sommelier Conseil pela Université Du Vin, em Suze la Rousse, na França. Não tem nada da vida que o fascine mais que os aromas dos vinhos e a magia que eles têm de estar em constante evolução e transformação. Também gosta muito de viajar, de elaborar vinhos, criar e fazer os blends das barricas… Gosta também de repassar seus conhecimentos, fruto de 20 anos de experiência, curtir a família e, é claro, de uma boa praia.

Você também pode gostar de...

Comentários

  1. Eduardo Toniolo disse:

    Gostaria de ser um apreciador de bons vinhos.

    1. Vinho em Prosa disse:

      Boa tarde Eduardo. Pode seguir estas dicas, todos os vinhos citados são de ótima qualidade. Depois você apurará o paladar descobrindo qual o tipo de vinho mais se adequa ao seu gosto.

  2. Rafael Salgado disse:

    Alex, bom dia!
    Muito interessante seu post, mas você não falou sobre a uva de cabernet sauvignon e malbec (tinto). Tem alguma opnião à elas com relação a tempranillo e carniere?

    1. Alex disse:

      Bom dia Rafael, obrigado por sua pergunta.
      Como a ideia da matéria era indicar uvas que são mais fáceis de degustar, coloquei só as uvas que têm um paladar de uma suavidade mais acentuada, tipo Pinot Noir, Merlot e Carménère. As uvas que você colocou na sua mensagem produzem vinhos mais estruturados, e de uma textura mais “áspera”, sendo assim é melhor deixá-los para uma segunda etapa. No caso de que você tenha preferência por estas uvas que mencionou, talvez signifique que você já está nesta segunda etapa. Aproveito para indicar um Tempranillo, que tem tipicidade da uva, mas em um estilo moderno e com um paladar muito equilibrado… É delicioso: Pascual Toso Malbec Estate Cabernet Sauvignon 2011.

  3. wellington lima disse:

    quero comprar os vinhos que voces indicaram , onde comprar em uberlandia mg

    1. Vinho em Prosa disse:

      Olá, Wellington! Agradecemos por entrar em contato conosco e o interesse em nossos vinhos.
      A Buywine é uma loja virtual. Vendemos nossos produtos todos pela internet.
      Acesse http://www.buywine.com.br e veja quais são de seu interesse! Comprar é super simples: procure os produtos que deseja, clique em “COMPRAR” e pronto! O produto já vai para a sua Buywine Box. E é só finalizar a compra com a melhor forma de pagamento para você!

      Qualquer dúvida, estamos à disposição.
      Buywine. Muito mais que uma loja de vinhos.

  4. Marcio disse:

    Olá,
    Parabéns pelo blog!
    Vi que vc classificou como “varietais” os vinhos sem passagem por madeira.
    Eu sempre entendi o termo varietal como o vinho no qual predomina uma única variedade de uva. Em oposição aos vinhos de corte, (nos quais há um ‘blend’ de diversas castas).
    Estou enganado?

    1. Vinho em Prosa disse:

      Olá, Marcio. Agradecemos o elogio!

      Quanto à sua pergunta:

      Não está enganado não. Os vinhos, para serem “varietais”, precisam cumprir 2 requisitos:

      1: Serem unicamente elaborados a partir de uma variedade de uva. Do contrário, se chamarão bleds, assamblages etc.;

      2: Não ter tido estagio em madeiras. Do contrário, serão vinhos que terão “Reserva” em seus nomes – termo que pode derivar de acordo com as alternativas da vinícola, como por exemplo Gran Reserva, Barrel Select, Premium, etc., mas o que tem em comum é que sempre terão passagem por madeira.

      OBS:
      1: Quando tem uma % pequena, que não supere aos 15%, costumam-se manter o nome de vinho varietal;

      2: Quando temos um vinho onde só uma parte menor a 15% teve estágio em madeira, costuma-se manter o nome de varietal.

      Att,
      Alex Ordenes